Poema: Sagrada

sexta-feira, março 27, 2015

Resenha: Vítimas do Silêncio de Janethe Fontes



1ª Edição - Ano: 2008 / Páginas: 187

Idioma: português

Editora: Universo dos Livros

Sinopse: 


Vítimas do Silêncio - “Violentada sexualmente, ela preferiu manter o silêncio. Porém, o preço do seu silêncio pode ter-lhe custado alto demais...” ...Um caso de abuso sexual...

...Uma tentativa de fuga...

...Um novo crime e ameaças...

... O reencontro com o inimigo...



“Uma garota é vítima de estupro e tenta reconstruir sua vida. Mas, quando finalmente acredita ter encontrado o caminho da felicidade e esquecido aquela noite fatídica, um novo episódio a faz despertar para a apavorante certeza de que é absolutamente impossível fugir do passado... E só existe uma alternativa para que a paz retorne ao seu coração e se faça prevalecer a justiça: confrontar seu pior e mais temível inimigo.”


Com uma narrativa surpreendente, a autora mantém o suspense até o fim, fazendo com que o leitor tenha de prender o fôlego para acompanhar essa aventura que traz, a cada capítulo, novas revelações e emoções de um passado que já parecia esquecido.


Vítimas do Silêncio combina ingredientes como Romance, Aventura, Suspense, Sedução e Mistério em um livro que vai prendê-lo do começo ao fim, tendo como pano de fundo a questão do abuso sexual.



Queridas Leitoras e Amigos Leitores,

Esta resenha é a meu ver a mais complexa que aceito o desafio de produzir até este preciso momento da minha recém e ainda imatura “carreira” elaborando resenhas em blog literário.

A complexidade não está na escrita da autora, pois esta se apresentou leve, fluida e muito próxima de mim como se eu estivesse sentada em um banco de praça na minha cidade e ao fundo escutasse a historia sendo narrada, esta historia é complexa justamente no ponto em que a torna sutil, a sua perigosa familiaridade.

O exemplar do livro que eu tenho é da 1ª edição cuja capa, mostrada em foto acima me incomodou por mais de uma semana, vendo a imagem da mulher oculta nas sombras com olhos vermelhos e lágrimas quase chegando a boca eu ficava imaginando tantas e quantas mulheres não poderiam perfeitamente ser moça da capa daquele livro, visto que muitas elas já ilustravam as paginas dos jornais.


A autora Janethe Fontes nos traz uma história cuja protagonista é uma jovem de 17 anos que sendo abusada sexualmente por um homem que deveria ser seu protetor resolve silenciar sobre sua dor e se afasta da das pessoas que ela mais ama por medo, muito medo. Medo de não ser compreendida, medo de ser condenada e de causar mais dor a outras pessoas, medo de ficar e continuar  sofrendo estupro de seu corpo.

Margarida então se muda para casa de parentes no Gramado - RS, onde começa a construir as bases para restauração do seu emocional e psicológico.

Ela não se deixa dominar pela dor, ela sabe que sua sobrevivência depende apenas dela e havia aprendido da pior maneira a confiar sua felicidade a si mesma.  Porem passam-se os anos e Guida volta a ser a jovem alegre de antes, de bem com a vida, uma otimista em potencial, a amargura não havia tocado o coração de Guida apesar de ela trazer no fundo dos olhos uma dor e uma preocupação por muito tempo ocultas.

A vida de Guida volta a sofrer nova reviravolta e ela se vez mais uma vez morando em outra cidade mais especificamente a capital São Paulo e desta vez longe de tudo que lhe fosse familiar, grávida e desempregada ela é acolhida no seio de uma família como funcionaria mais aos poucos conquista um lugar no coração de todos inclusive no de William, um jovem muito bonito e amargurado por ter tido sua carreira e toda a sua vida transformada por uma tragédia e que aos poucos vai se contagiando com a positividade de Guida.

Pois bem Guida tinha motivos e razões de sobras para preferir calar sobre a violência sofrida no passado, mas até que ponto se deve calar quando outras pessoas podem ser vitimas do mesmo criminoso que posa de bom moço e circula a solta inclusive no bojo familiar?

Eu senti certa passividade em Guida frente à ameaça existente, como se o medo ainda a paralisasse, os anos se passaram e ela já não era mais aquela garotinha de antes ela havia se tornado uma mulher forte e guerreira, uma profissional começando uma carreira onde tinha o reconhecimento pelo seu trabalho, então eu não entendia porque ela continuava contando com a sorte quando estava mais do que claro que o estuprador atacaria novamente.

Quando finalmente Guida resolve enfrentar seus próprios fantasmas e lutar por justiça infelizmente já era tarde demais para outra vitimas, e Guida sofre por isso, ela se culpa e se indaga; eu não esperei tempo demais?  Eu enquanto mulher e leitora sofro por ela, sofro com ela porque eu poderia perfeitamente ser ela naquele momento e em todos os outros.

Mesmo sabendo se tratar de um romance em que a “vida” do personagem assim como sua trajetória por vezes escapa das mãos do autor, não pude deixar de notar o tom de denuncia que esta ficção tão plausível faz.  Por traz de cada vitima coagida e silenciada existe um criminoso a solta na sociedade assim como inúmeras outras prováveis vitimas que serão silenciadas para sempre, tendo suas vidas interrompidas covardemente e que nós nunca saberemos como seria a vida delas, qual carreira elas teriam, elas se casariam? Teriam filhos?

No epilogo do livro um pequeno artigo consta os trágicos números que são as únicas histórias restantes das vítimas do silêncio e a violência sexual não é mero pano de fundo.







Sobre a Autora:


Nas palavras da própria Janethe Fontes: "Sou uma sagitariana apaixonada pela vida, pela família (incluindo meus filhos de 4 patas) e também pela natureza".



Ainda segundo ela, a vontade de escrever surgiu na adolescência, mas seu primeiro livro, Vítimas do Silêncio, foi escrito aos 28 anos.


Siga a autora: 
Twitter



Resenha por:













 Ruth Campos 

Reações:

Comente com o Facebook:

27 comentários:

  1. Menina, eu já tinha lido resenha desse livro. É forte demais. Tenho que estar menos sensível pra poder lê-lo, mas sem dúvidas está na minha lista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda sim querida tudo na hora certa ..bjss

      Excluir
  2. Nossa que tema pesado amiga.. mas realmente, é uma coisa que a gente se questiona: "porque ela não denunciou..", fora as pessoas que julgam a vítima dizendo que se ela não denunciou foi porque gostou ¬¬ absurdo. Eu sou muito sensível com essas coisas, choro bastante, então não sei se teria coragem de ler, mas com certeza desperta curiosidade. Beijos

    Mutações Faíscantes da Porto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Carol, oque não falta são pessoas pra acusar e apontar ..bjsss

      Excluir
  3. Olá!
    A Janethe sempre tratando de assuntos polêmicos e relevantes para a sociedade, além de a autora estar sempre numa constante em apoio em movimentos que trabalham com a segurança, liberdade e empoderamento da mulher.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lilian, sim andei lendo sobre a Janethe e realmente ela é fantástica ..bjs

      Excluir
  4. eu já tinha ouvido falar desse livro, e sempre me interessei em ler. Conheci a autora num encontro de autores que houve aqui em PE ano passado, ela é extremamente simpática e o que ela falou sobre a carreira e suas obras só me deixou com mais vontade ainda de conhecer seus títulos publicados, em especial esse, pela temática que aborda...
    parabéns pela resenha, flor...
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Val que bom que vc teve esta experiência positiva com autora ..bjss

      Excluir
  5. ooooiiee!!! amo a escrita da Janethe ela arrasa, esse livro foi o primeiro que eu li dela e acho incrível como ela trata do tema com tanta sensibilidade e sutileza é daquelas autoras que merecem divulgação, pelo talento e pela simpatia , a resenha esta maravilhosa conseguiu transmitir exatamente a mensagem do livro parabéns.
    BEIJOSSsss...

    sonhos de leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu jana, que bom que vc tenha gostado bejss amada

      Excluir
  6. Olá, tudo bem?

    Nossa. Já gostei e quero muito ler este livro. Gosto de leituras fortes, intensas e com suspense. E o tema abordado é muito delicado. Me chamou muita atenção. Vou pesquisar mais sobre a escritora.

    beijinhos

    www.livrosfilmeseencantoss.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal amiga, fico bastante feliz que tenha gostado...bjss

      Excluir
  7. Uau, já estou meio "chocada" antes de ler, imagina depois... hahah O livro exige um certo preparo psicológico, mas parece valer bem a pena. rs
    beijos
    http://www.simplesmenteinsolita.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Ema importante é a gente se conhecer ...se tu não se ve lendo então realmente não deve faze-lo...bjss amada

      Excluir
  8. Olá!
    Eu sou louca para ler esse livro.
    Apesar de a história parecer um pouco pesada eu fiquei curiosa pra saber como o passado dela vai voltar.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu amiga te recomento a leitura então srsr bjss

      Excluir
  9. Olá!
    Realmente, parece ser um livro forte!
    Não sei se leria justamente pelo tema. Mas é uma ótima pedida para quem gosta do gênero!
    Ótima resenha ♥

    Beeeeijos!
    http://cupcakedeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Ei Lunna,
    Já li algumas resenhas positivas sobre esse livro e tenho interesse ler, mas não por agora.
    Você disse que foi uma resenha difícil de elaborar e pela história parece um livro pesado, e não me sinto preparada para algo assim neste momento.

    Abraços,
    Coração Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee Jéssica como vai?? o importante é respeitar o seu momento ..bjss

      Excluir
  11. Flor!
    Gostei muito da sua resenha e da sua argumentação! Já li essa obra da autora, ela é uma das minhas autoras favoritas! Gosto muito dos temas, do tipo de escrita, das tramas! Parabéns pela resenha! Beijso

    ResponderExcluir
  12. Oi Lunna e Ruth, tudo bem com vocês?
    Ruth, gostei muito da forma como fez sua resenha, eu adoro os livros da autora, a forma da narrativa dela, é muito diferente, só lendo mesmo para entender. É impossível não gostar dos livros da Janethe. Esse em especial, de todos os que já li, é o meu preferido. Eu sofri com os personagens, a história deles é linda.
    Deu até saudades.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cila que bom que vc tenha gostado bjss amiga sim eu também sentirei saudades de Guida :)

      Excluir
  13. Oii!

    Parabéns pela resenha!
    Ele é um livro bem forte né? Acho que vou esperar um pouco para lelo... Mas está na lista!

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  14. Parabéns pela resenha, adorei!
    A temática é bem forte mesmo, ultimamente estou fugindo do gênero mas já anotei aqui e em breve irei conferir!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. O livro aborda um tema bem pesado,mas pelo que li em sua resenha ela soube desenvolver a história de forma leve e fluida.Me interesei muito,preciso saber o que se passa com esses personagens que sofrem tanto e como tudo termina..

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir

O texto desta postagem foi produzido e elaborado por mim, Lunna Marcela e pensado em você cara leitora. Aqui tento colocar em palavras aquilo que me representa, que possa te alegrar e também representar de alguma forma. Deixe seu comentário pois ele é muito importante para mim....Bls Mil <3

"Seja quente ou seja frio, não seja morno que eu te vomito"

Social Profiles

Twitter Facebook Google Plus LinkedIn RSS Feed Email Pinterest
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Editoras Parceiras

Flor Roxa no Face

Autores Parceiros

Google+ Followers

Posts Populares

TOP COMENTARÍSTAS

Estante Skoob

comentáriosface

Tradutor

Descrição do Flor Roxa

Quando falar já não é suficiente para expressar a nossa essência, nós basta viver em poesia constante.

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Unordered List

Posts Relacionados

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sample Text

Leve a Flor

Flor Roxa Poemas e Poesias - Dicas para blogs

Theme Download

Marcadores

#brasilemprosa Amor Anderson Henrique As Aventuras de Pinóquio Autor Autor Parceiro Autores Nacionais Beijo blog parceiro book tour Bruno Félix Butterfly Editora Carina Rissi Chiado Editora Concurso Literário Contos Crimes do Tarô Crossfire David Cohen Denuncia Dia dos Namorados Divulgação Editora Ática Editora Biruta Editora Globo Editora InVerso Editora Jose Olympio Editora Mulheres Editora Parceira Eduardo Rossato Em Busca das Borboletas EraEclipse Editora Eykler Simone Feminismo Ficção Flávia Mariano Florbela Espanca Fml Pepper Gilka Machado Golfinhos e Tubarões Happer Lee Herdeiro Sevenwatars Hot Hudson Ribeiro Infancia Infanto-juvenil Izabel Brandão Janethe Fontes Jean Shinoda Bolen Juliet Marillier Lançamentos Leonardo Nóbrega Lilian Farias Literatura Literatura Capixaba Literatura Fantastica Literatura Infanto-Juvenil Literatura nacional Livro de colorir Livros Lost Girl Luta pelo fim do racismo e preconceito na literatura Marçal Aquino Margarida Pizarro Maria Wilker Mitos mudança de vida Mulher Mulheres na Poesia Musica Não Pare Negritude O Mundo Encantado das Cores O Segredo de Índie O sol é para todos Outros Tempos Parceiros parcerias Petit Editora Pettit Editora Play List Poemas poemas autorais Lunna Marcela Poesias Projeto 10x10 Promoção promoção Literária Racismo Ramones Resenha Resistência romance Romance Espirita Romance Hot Sagrado Feminino Sarah Kilimanjaro Série de TV Série Vagalume Sevenwaters sociedade celta. A filha da floresta Sol e Lua Sororidade Sorteio Suzana Albornoz Sylvia Day TAGS Tais Cortez Textos Poéticos The L World The Musketereers Trechos de Musica Vikings What Wonderful World

Copyright © Flor Roxa | Powered by Blogger
Design by Lizard Themes | Blogger Theme by Lasantha - PremiumBloggerTemplates.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...